Prefeitura lança Consulta Pública do edital para novas placas de identificação de ruas da Capital

Foi lançada no Paço Municipal de Porto Alegre a consulta pública do edital que prevê a produção, confecção, instalação, conservação e manutenção de 41.239 conjuntos toponímicos, que são as placas de identificação das ruas da capital gaúcha. A consulta pública tem duração de 30 dias. O valor de outorga inicial para o projeto é de R$ 1.600.000 reais. O prefeito Nelson Marchezan Júnior salienta que a ideia é não onerar os cofres públicos utilizando a publicidade de empresas privadas.

“Tem todo um conceito aqui do mobiliário urbano ser o foco da publicidade. Então a ideia do mobiliário urbano é se viabilizar com recursos de publicidade de investidores gerando uma melhor qualidade de vida, melhor visual, melhor ambiente na cidade, mais retorno. De novo, sem onerar tanto os cofres públicos com recursos e também como um trabalho diário que acaba sendo muito mais burocrático e menos eficiente para o cidadão, e não entrega o volume de serviços que empresas especialistas nisso pode entregar”.

As placas serão distribuídas em dois grupos.36.800 delas ficarão fixadas nas fachadas dos imóveis e as 4.400 restantes vão ficar nos postes das esquinas. O prazo de concessão da futura empresa vencedora será de 10 anos e ela terá um período de 24 meses para realizar a implantação das placas. A previsão da prefeitura é de que o lançamento do edital ocorra até o final do mês de agosto.

Compartilhar

Deixe seu comentário